segunda morada



e aqui estamos, prestes a abandonar mais 365 dias de vida. 
deixamos para trás a sonoridade do passado e vamos, ainda surdos do futuro, celebrar fins e começos, com copos que se erguem, entre pessoas que queremos que partilhem a nossa dança em permanente estado de nascença. 

cada ano é como que uma espécie de segunda morada, uma nova oportunidade de sermos um bocadinho mais do que fomos, de nos subtrairmos na experiência daquilo que não queremos voltar a ser. aprimoramo-nos, ou assim devíamos. 

gosto deste cheiro a esperança que se mistura com a lenha queimada, com a mesa cheia das pessoas nossas, as que já cá estavam e as que chegam. 
ao mesmo tempo, ainda assim, a nostalgia fica-me. 
sou melancólica (como me disseste um dia - há sempre uma tristeza em ti que se sente) e conta de adição.
sou o tanto e o pouco sem eternidades, mas presente.

nesta altura - a do abandono do que fica para lá - o coração bombeia o tempo que lhe calhou, cada um parte do seu próprio território para outro, igualmente seu, partilhado ou a sós.  


que seja extraordinário o que por aí vem, senão tanto assim, pelo menos vida.



bom e feliz ano, pessoas virtualmente reais!


a fotografia é do verão e escolhi-a porque sim.
um de frente. outro de costas. lado a lado, assim como o passado, assim com o futuro.
assim como o presente

cor de rosa

Camisola HM 
Vestido usado como saia - Zara (antigo) 
Sapatilhas - Zara (desta coleção) 
Gola de pêlo sintético - YARD AND BLUES (AQUI)

(ESPREITEM A LOJA ON LINE DO YARD QUE TEMOS MUITAS NOVIDADES!)

beijos 

Noite de Natal

Noite de Natal



Vestido e brincos Zara


(e eu que ainda ontem dizia que andava sem tempo para isto e faço dois posts assim seguidinhos, hein?

mas "dias não são dias", não é o que se costuma dizer?

apeteceu-me deixar aqui aquela que vai ser a minha escolha para a noite de Natal:
o vestido de veludo que adoro com estes pormenores brilhantes e prateados, umas sapatilhas brancas para  cortar o "demasiado arranjado" e porque nesta noite queremos algum glamour mas eu cá gosto de continuar confortável
os brincos a emoldurar o rosto, o batom (vermelho, como sempre)
et voilá!
temos festa, bacalhau e rabanada!

e vocês, já têm tudo magicado para esta noite?

beso beso!


fim de semana

dedicado ao meu bicho mais fofo e aos mil e muitos beijos que lhe dou por dia!
<3 p="">

checked coat




Não tenho tido tempo para o blog.
sorry for that.
esta época é sempre difícil para mim por uma série de razões e sinto mais necessidade de estar recolhida, sossegada.
queria muito agradecer as mensagens que recebo a perguntar se está tudo ok! 
obrigada MESMO!
 continuo por cá e, se não sempre, a espaços, prometo!

beijo beijo
e até já!


AddThis